A rede de TV mais famosa do mundo, a CNN, junto com a MSNBC e a ABC são pegas enganando a audiência, graças a telespectadores atentos.

 

 

Três casos de flagrante tapeação por parte da imprensa.

1– Entrevista ao vivo da mesma convidada, simultaneamente.

Aos 0:09 você pode observar no canto inferior direito da tela uma seta vermelha indicando “live CNN” (CNN ao vivo.

Aos 0:25 no mesmo canto inferior há uma mão fazendo o sinal de positivo onde está escrito “live MSNBC” (MSNBC ao vivo).

Ambas as empresas anunciaram as entrevistas como sendo ao vivo.

2– Duas correspondentes conversavam, aparentemente via satélite, de diferentes partes do país, aos 0:59. Elas, contudo, estavam próximas uma da outra, no mesmo estacionamento, apenas em ângulos diferentes. Telespectadores observaram que exatamente os mesmos carros, caminhões, e até mesmo um ônibus, passaram atrás de uma delas, e depois atrás da outra.

Este caso ocorreu na rede CNN, e o narrador comentou: “Não chamamos a rede de contrafacção de notícias à toa.

3– A rede ABC transmitiu ao vivo do local de uma cena de crime. Aos 1:38, você vê a repórter diante de uma faixa amarela da polícia atrás. Mas alguns moradores do local que foram acompanhar a gravação, tiraram fotos e postaram nas mídias sociais e revelaram que os jornalistas colocaram a fita em dois tripés.

 

O compilador desses casos, e de outros, disse que a tecnologia moderna torna cada vez mais fácil desmascarar essas tapeações.

O IESS, entretanto, tem um artigo que diz que o avanço tecnológico cada vez mais tornará impossível discernir o falso do real. Leia aqui.